Aprendiz Cooperativo inicia aulas para nova turma na Paraíba



Hoje começou uma nova etapa na vida de 37 jovens que fazem parte da oitava turma do Programa Aprendiz Cooperativo na Paraíba. Pelos próximos 13 meses, eles vão participar do Curso de Auxiliar Administrativo e ter suas primeiras experiências no mercado de trabalho. Os alunos, que tem entre 19 e 22 anos, foram selecionados pelas cooperativas Comseder, Unimed JP, Sicoob Coopercret e Central Sicredi N/NE.

A abertura do curso aconteceu por meio de plataforma online, assim como devem ser as próximas aulas por conta da pandemia. Participaram do evento: o superintendente do Sistema OCB/PB, Pedro D’Albuquerque; a gerente de Desenvolvimento de Cooperativas, Ana Margarida Formiga; a procuradora do MPT, Edlene Felizardo; a auditora fiscal do Trabalho, Joana D’Arc de Sousa; a analista de Desenvolvimento e Gestão do Sescoop, Edlane Melo; a analista de Cooperativismo e Monitoramento, Josilma Beltrão; além de representantes das cooperativas parceiras e professores do Programa.

Os jovens foram recepcionados pelo superintendente Pedro D’Albuquerque. “Em nome de nossa diretoria, a gente dá as boas-vindas a todos os jovens, representantes de cooperativas, de forma ainda virtual, na expectativa de lá na frente a gente voltar a ter aulas presenciais. E que a gente possa ter, ao final das aulas, uma turma bastante capacitada para conquistar o que a gente mais almeja: a empregabilidade, possivelmente nas nossas cooperativas”, afirmou o superintendente.

A Procuradora do Ministério Público do Trabalho, Edlene Felizardo, que é também coordenadora do Fórum de Aprendizagem da Paraíba, elogiou as cooperativas participantes do Programa. “Na Paraíba, nós temos potencial para contratação de 8 mil jovens aprendizes e nós estamos com a contratação de 4 mil. Estou aqui parabenizando as cooperativas, que estão espontaneamente contratando, criando turmas, mesmo num momento de pandemia que a gente sabe que é um elemento dificultador”, comentou.

A auditora fiscal do Trabalho, Joana D’Arc Sousa, falou sobre a atuação da Superintendência Regional do Trabalho na Paraíba na fiscalização do cumprimento da legislação da aprendizagem, bem como sobre os direitos e deveres dos aprendizes.

Sobre o Aprendiz Cooperativo

Desenvolvido pelo Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop), o programa Aprendiz Cooperativo proporciona às cooperativas parceiras condições de se adequarem à Lei 10.097/00 e ao Decreto 5.598/05, que estabelecem cota obrigatória de contratação de aprendizes para empresas que se enquadram nos critérios de médio e grande porte. Mas além de preparar para o mercado de trabalho, o Programa apresenta o cooperativismo aos jovens de forma interdisciplinar nos conteúdos que são obrigatórios por lei.

A analista de Desenvolvimento e Gestão do Sescoop Nacional, Edlane Melo, apresentou os objetivos e diretrizes do Programa aos participantes do evento. “O Programa Aprendiz Cooperativo foi desenvolvido pensando em além de atender à legislação, superar as expectativas das cooperativas quanto às formações voltadas para os nossos princípios e valores. Posteriormente também nós fizemos adapatações para encaixar nos nossos objetivos estratégicos. Então, o Aprendiz atende essa expectativa e dá oportunidade também para as novas lideranças e inclusão do jovem no mercado de trabalho”, destacou.

Até o final do curso, os aprendizes passarão por dez módulos, totalizando 1.667 horas/aula, sendo 500 horas de aulas teóricas e outras 1.167 horas de atividade prática nas cooperativas.

De Aprendiz a Gerente de Negócios

O gerente de Negócios da Sicredi Evolução, Zinaldo Franca, iniciou sua vida profissional como jovem aprendiz em uma instituição financeira e conversou com os novos aprendizes sobre sua experiência. “Eu me sinto honrado de estar falando hoje aqui da minha experiência. Eu sempre falo com muito orgulho que fui aprendiz porque isso me deu a oportunidade de conhecer a minha profissão. Assim como mudou a minha vida, mudou a vida de outros jovens que hoje são engenheiros, advogados, passaram em concurso público, encontraram-se na vida. Vocês podem não ficar na cooperativa, mas vão ter a oportunidade de conhecer o mercado de trabalho. Aproveitem ao máximo”, afirmou.

Representando o Instituto Sicoob, a analista de Responsabilidade Social Joana Macedo apresentou aos aprendizes o Programa Se Liga Finanças Online, uma plataforma gratuita de educação financeira voltada para jovens. Em seguida, os alunos iniciaram as aulas do primeiro módulo do Curso que é sobre "Cooperativismo" e está sendo ministrado pela professora Heliana Barros.

 


Comentários

Comentar

2609
Fale com o Sistema OCB/PB